Migrando um catálogo de vídeos baseado em planilha para um sistema inteligente

COMPARTILHAR
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Migrando o controle de mídia baseado em planilha para um sistema inteligente

O intenso dia a dia de uma produtora ou pós produtora de comerciais ou filmes, que inclui a captação de novos conteúdos diariamente, gera uma quantidade enorme de ativos (áudio, vídeo, metadados…) não gerenciados, por exemplo equipes de externa que utilizam equipamentos de alto custo, cameras, lentes, mics, drones etc para capturar imagens que na maioria das vezes não deveriam ser descartadas e sim reutilizadas.

Na produtora estes ativos gravados são então “ingestados” para HDs e servidores não gerenciados onde os times de edição/efeitos/finalziação acessam, editam, finalizam e entregam o filme.

Estes arquivos de áudio e vídeo são ativos de valor que poderiam em muitos casos serem reutilizados evitando novo custo de captação.

Mas como rapidamente encontrar uma gravação específica, ou um trecho específico em milhares de arquivos gerados durante anos?

Catálogo Old-School

Algumas produções criam seus próprios controles internos com catálogos, anotações e planilhas que as ajudam a encontrar uma cena espeícifica que está em

 /HDexterno02/ClienteX/FilmeY/CameraRed/REEL0043/XYZ.r3d

E quando precisam de um conteúdo pesquisam neste catálogo, procuram em qual armário o HDexterno02 está, o conectam à uma máquina, e se o HD estiver funcionando após alguns anos parado:

  • Navegam na estrutura de diretórios até chegar ao arquivo
  • Copiam para a máquina local ou server
  • Se esta máquina for uma ilha de edição e suportar o codec e formato do arquivo, consegue revisar o conteúdo.

Objetivo

O objetivo deste vídeo é apresentar uma alternativa simples e automática para produtoras que possuem um rico acervo não gerenciado, cadastrarem seus ativos em produção e acervo, disponibilizando globalmente o acesso e monetizando estes ativos, e com produções em andamento, melhorar o workflow agregando valor para seu cliente final.

De forma geral, o processo requere:

  • A planilha excel com as informações dos ativos (nome do arquivo e metadados)
  • Os arquivos disponíveis em HD, LTO ou Cloud.

Cadastrando múltiplos ativos automaticamente

Nesta demo utilizamos somente o Rockit Shared Storage for Media como repositório central para armazenamento da mídia, processamento dos metadados e também gateway de conexão com o iconik, mas poderia ser executado com outros sistemas baseados em Windows, Mac ou Linux.

A planilha vem de uma base de dados do IMDB contendo dados reais de filmes e seus metadados que incluem: gênero, sinopse, popularidade, orçamento, linguagem e outros.

E para viabilidade desta demonstração a mídia referente ao filme não é o filme em si, pois levariam muitas horas fazendo o upload/transcoding etc, mas um jpg usado como capa do filme. 

Geração de metadados automático

“Ok, tenho 100 mil arquivos distribuídos em discos, fitas e servidores mas não tenho nenhuma planilha com informações sobre eles, o que eu faço?”

Para os casos onde não existe uma planilha ou arquivo texto com informações de controle do conteúdo, também é possível fazer isto de forma automática utilizando inteligência artificial e análise de imagens.

Sobre o Rockit Shared Storage for Media

Rockit é um storage central especialmente desenvolvido para produção e pós produção audiovisual. Oferece desempenho para edição colaborativa em HD, UHD e integra-se à outros sistemas locais e serviços em nuvem.

www.rockitstorage.com.br

Sobre o iconik

Gerenciamento de mídia inteligente.

iconik é uma solução moderna e simples de utilizar, que permite gerenciar e compartilhar media com segurança globalmente. 

https://iconik.io

Entre em contato aqui e vamos conversar sobre seus desafios da produção audiovisual!!

VIABILIZAR O TALENTO E A CRIATIVIDADE: É PARA ISSO QUE A DRIVESYS EXISTE!

Posts em Destaque

Posts Recentes

Categorias